Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Growing Tree

Esquecer as preocupações,ficar imerso no momento. Capturar a variedade de emoções e amor do mundo em nosso redor. Capturar a essência das coisas,uma sensação e não uma aparência,emoçoes.

A Growing Tree

Esquecer as preocupações,ficar imerso no momento. Capturar a variedade de emoções e amor do mundo em nosso redor. Capturar a essência das coisas,uma sensação e não uma aparência,emoçoes.

12.09.20

Cidadania


Kika

«Não há consenso sobre a definição da noção de cidadania. Contudo, o sentido moderno da palavra exprime uma relação entre o indivíduo e a comunidade política. Outras formas de integração no sistema político existem, mas o cidadão tem deveres e direitos, responsabilidades e privilégios que o não-cidadão não partilha ou partilha em grau menor.

Ao longo da História, cada vez que o termo cidadania é utilizado, implica uma combinação de obrigações e privilégios entre o indivíduo e a comunidade política. O uso da palavra cidadão prende-se com uma regulação entre os indivíduos que têm acesso livre ao território onde vive a comunidade política e os que não têm acesso livre (1992, BRUBAKER, William Rogers - Citizenship and nationhood in France and Germany, Cambridge. MA: Harvard University Press). » (www.infopedia.pt)

 

Somos livres até ao momento que interferimos com a liberdade dos outros. E com essa liberdade vem a responsabilidade.

De dia para dia vejo, no meu percurso social, cada vez menos sentido de responsabilidade, sentido de respeitar os outros, sentido de vivermos como uma espécie. São poucos os mais novos que respeitam os mais velhos, são poucos os pais que educam os filhos a serem cidadãos na sociedade, são poucos os que se lembram que não vivemos sozinhos neste planeta e temos que conviver com tudo e todos.

Não vou dizer que temos que ter regras cravadas em pedra sobre o que fazer e como fazer. Não estou a dizer que temos que seguir a «carneirada». 

Eu sou EU e não vou mudar por ninguém, mas no momento em que interferir com a liberdade de outra pessoa, outro ser, a minha liberdade é-me retirada. Eu cresci a receber educação em casa de como me comportar em sociedade, respeitar os outros, respeitar os mais velhos, enfim, a viver no mundo. Mas também aprendi que sou quem sou, e não devo mudar só porque a moda diz que tenho que ser assim ou assado, vestir isto ou aquilo, falar de uma maneira ou de outra.

Não! Eu sou EU. 

Fico triste quando vejo e ouço pais a dizer que «educação tem que ser dada na escola,  a função da escola/professor é educar o(s) meu(s) filho(s) e que não tenho tempo para gastar ainda a fazer o «trabalho do professor».»

As crianças vão para a escola para aprender a ler, a escrever, a ter conhecimentos didáticos. A boa educação e maneiras é em casa que devemos passar aos nossos filhos. É desde o momento que nascem que esculpimos, como pais, a personalidade, a maneira de ser e de estar da criança. É desde que nasce que criamos e educamos como a criança vai ser como ser humano.

IMG_20200912_143626.jpg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.